Parceiros

Estudos para Célula

23/04/2016 às 00:00:00

Nas Mãos do Oleiro - Parte I

PIBEG – Primeira Igreja Batista do Eduardo Gomes

Av Ayrton Senna, 725 – Conj Hab Brig Eduardo Gomes

Rosa Elze – São Cristóvão – Se – 49.100-000

Apóstolos Paulo e Josiani Fonseca

Uma Comunidade Impactada Pelo Amor

2016 - REFORMA a Visão de Deus para Curar as Geografias

 

Estudo de Célula 12/2016 – 25 a 30/04/2016

 

Nas Mãos do Oleiro - Parte I

 

Levanta-te, e desce à casa do oleiro, e lá te farei ouvir as minhas palavras. Desci, pois, à casa do oleiro, e eis que ele estava ocupado com a sua obra sobre as rodas. Como o vaso, que ele fazia de barro, se estragou na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso, conforme pareceu bem aos seus olhos fazer. Então veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? diz o Senhor. Eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel.” Jeremias 18:2-6

 

Introdução

Moldar caráter é se dispor a um trabalho. Ninguém molda caráter sem colocar a mão na massa. Para que um caráter seja tratado e moldado, é preciso que a pessoa se coloque à disposição para que tal aconteça. Qual o segredo de se moldar um caráter?

 

01 - Começar Corretamente

Mudança de caráter não é uma aventura. Para se moldar um caráter, precisamos aprender que devemos começar pela forma correta.

A maioria das pessoas enfrenta problemas, principalmente num projeto no qual estão envolvidas, porque não começaram pela forma correta. Quando algo é iniciado de forma correta, deslizes que podem trazer eventuais prejuízos são evitados. Muitos querem começar por onde outros estão terminando. Começar da maneira certa fala de uma disposição que o líder precisa ter.

Se você quer começar a fazer algo corretamente, precisa se dispor a ouvir alguém que tenha experiência. Fazer o certo fala de se tornar uma referência ainda que outros queiram vê-lo como um problema. Isso porque, para muitos, quando alguém decide ser referência, torna-se um problema para alguns.

A disposição de se deixar ser moldado, de fazer o que é correto, faz com que as situações adversas não consigam demolir a sua convicção. Uma convicção não é demolida por discursos quando há por trás um respaldo.

Vivemos um tempo que urge a necessidade de termos o caráter moldado. Deus não Se agrada que trabalhemos no Reino com intenções erradas em nosso coração. Não devemos trabalhar para nós, mas para o bem do Reino, do povo, da nação, para que todos sejam beneficiados dentro de tudo o que Deus tem colocado em nossas mãos.

Reconhecemos que não é fácil mudar de hábito, de estilo de vida. Se você não quer ser uma ameaça, continue como você está. Mas quando você decidir crescer, passará a ser uma ameaça, poderá ser criticado e alguns lhe verão como um problema. Porém, lá na frente, as pessoas mudarão de opinião por ver que o seu testemunho o respalda e que você é um agente de transformação. E, como agentes de transformação, não podemos nos calar. Por tudo isso, precisamos começar da maneira correta.

Muitas pessoas poderiam viver de forma melhor, mas estão limitadas porque tudo o que fazem, começam de forma misturada, contaminada, esquecendo que no Reino de Deus as coisas não funcionam dessa forma. Ficam, então, impedidas, atadas e não conseguem caminhar rumo ao êxito, dentro dos princípios que a Bíblia contém.

Deus estános chamando a voltar aos princípios da Sua Palavra. Somente ela contém as verdades que devem permear a nossa vida. Se voltarmos aos princípios, se decidirmos fazer tudo como a Bíblia nos orienta, o que fizermos prosperará e descobriremos que existe algo muito nobre que precisa não apenas ser observado, mas vivido.

 

02 - Ouvir e Obedecer

Deus deu uma palavra de comando a Jeremias e ele ouviu e obedeceu. E, pela sua obediência, ainda hoje, quando lemos esse texto, somos levados a entender que o Senhor quer fazer de cada um de nós, vaso novo. Tudo o que precisamos é submetermo-nosà Sua verdade e cumprir os Seus princípios.

Em toda a Palavra de Deus, vemos o quanto os recursos naturais são utilizados para ensinar o povo de forma simples. O fato de Deus ter mandado Jeremias se dispor e ir até a casa do oleiro, era para que visse um exemplo dado através do barro, que é um recurso natural.

Jeremias já havia visto inúmeros oleiros em toda a sua vida, ele poderia até mesmo desobedecer ao Senhor, já que não havia novidade em ver alguém fazendo vasos. Mas ele obedeceu. Jeremias entendeu que Deus queria falar com ele, como profeta, e com o Seu povo através dessa ilustração.

Ao chegar à casa do oleiro, ele observou como o vaso era trabalhado e recebeu da parte de Deus uma mensagem através de algo tão simples. Deus é assim. Deus gosta de usar as coisas simples para confrontar as grandes. Esse exemplo serviu para que Jeremias entendesse que, para influenciar a nação, ele precisava primeiro ser moldado para depois a nação tê-lo como referência.

O Senhor queria que Jeremias estivesse atento à Sua voz. E, como um servo fiel, foi o que o profeta fez. Essa é a função do discípulo-servo de Deus, estar atento ao que está ouvindo. O discípulo não deve tomar nenhum passo fora do que Deus fala. Quando o discípulo tem um coração de servo, não deve mover-se sem escutar a voz de Deus.

Deixe seu Comentário

Ainda não há comentários, seja o primeiro a comentar.

Seu Nome:

Seu E-mail:  (Não será divulgado)

Comentários:
   Página de 12     ( Total de Registros: 111 )

PIBEG - Primeira Igreja Batista do Eduardo Gomes

Av. Ayrton Senna, N° 725 - Conjunto Hab. Brig. Eduardo Gomes

CEP.: 49.100-000 - Fone: (79) 3257- 8780 / 3044-4347 

São Cristóvâo - Sergipe